Não à censura. É o artigo do Radialista Jorge Batista

8 jan 2018

Repercute em todo o estado e porque não dizer além das fronteiras, o lamentável fato ocorrido ontem no Sertão, onde a TV Online Diário do Sertão, foi PROIBIDA de transmitir os jogos em Cajazeiras e Sousa, mesmo com a autorização dos mandantes, Atlético e Sousa.

É de profunda indignação vermos em pleno 2018 um fato dessa natureza acontecer e tornar ainda mais pobre o futebol paraibano, que pelo jeito, mesmo mudando a presidência da FPF mas os costumes e a cultura de perseguir e discriminar o Sertão continuam o mesmo.

A referida TV retransmite apenas os jogos do Atlético e Sousa, ou seja, não há argumentos convincentes sobre a censura acontecida. E outra, nos anos anteriores a retransmissão acontecia e não havia oposição da “poderosa” Federação Paraibana de Futebol.

Isso só denota quão deplorável é o futebol paraibano, o senhor Amadeu Rodrigues ao proibir a retransmissão não afeta a empresa de comunicação, mas, as equipes sertanejas, os torcedores e todo o Sertão que mais uma vez é discriminado de forma abusiva e covarde.

O prejuízo financeiro pode ter sido para o Diário do Sertão, porém, além desse fator, o prejuízo moral foi para a imprensa, para o Sertão, para todos aqueles que defendem o fim da censura e o fim da discriminação.

Esperamos que os representantes do Sertão não se calem diante um absurdo desses e possam repudiar veementemente a atitude de censura. Que os meios de comunicação dêem ênfase ao mesquinho posicionamento da FPF que nesse domingo a sigla poderia ser denominada de “Fez Palhaçada no Futebol”.

 

Por Jorge Batista

... [related_post]